Livre Para refletir: Perfeccionismo



Seu perfeccionismo pode ser adaptativo ou mal-adaptativo ou seja, nem sempre é ruim e nem sempre é bom.. O perfeccionismo muitas vezes é usado como motivação para atingir metas e objetivos de uma maneira positiva. Quando mal adaptativo o perfeccionista tem um medo excessivo de errar ou fracassar, não quer que suas falhas sejam apontadas pelos outros. Colocam-se sob pressão constante para atingir o impossível, se tornam impotentes, não importa o que façam, não são suficientemente bons e, em consequência, se sentem sem esperança. Nada nunca vai melhorar porque são seus próprios e piores inimigos, que precisam corresponder às mais altas expectativas que as outras pessoas (supostamente) têm em relação a eles.


Você já parou para analisar que tipo de perfeccionista você é?

Em geral mais preocupado com seus padrões ou com que os outros pensam a seu respeito? Traça metas realistas ou está tentando atingir o impossível?

Exige perfeição dos outros ou está disposto a aceitar que eles são humanos e falíveis?

Consegue se sentir bem com todos os seus esforços?


Faça a sua reflexão e se conheça melhor!

Referência: Robert Leahy


Psicóloga Mariá Lisboa Diotallévy

@psicomarialisboad

CONTATOS

 

canallivrepara@gmail.com

+351 914 820 619

+351 914 822 304

Penha de França | Lisboa | PT